Raul Caldeira in Memoriam

Faleceu no passado dia 7, tinha um curriculum desportivo excepcional e um curriculum profissional extraordinário. Até ao fim conservou a personalidade simples, manteve-se um amigo generoso, expressava a ironia a propósito de tudo e de nada. No desporto, na vida pessoal, na vida profissional facilmente conquistava amigos, despertava o afecto e o respeito que os encontros inesperados da vida proporcionam, o calor humano manifestava-se na sua personalidade. Foi um homem inteiro e a sua integridade um traço permanente reconhecido por todos aqueles com quem trabalhou.

Partilhou com os estudantes e os professores da FMH simpatia e conhecimento, enquanto convidado e homenageado das ‘Memórias Olímpicas de Portugal’ realizadas a 28 de Novembro de 2019, homenagem prestada em vida pelo Centro de Estudos do Desenvolvimento do Desporto – Noronha Feio, do Curso de Licenciatura de Gestão do Desporto, aos atletas olímpicos pioneiros.

Pouco antes dos Jogos Olímpicos de Helsínquia, em que participou, praticava ginástica aplicada, de aparelhos ou olímpica. Foi atleta olímpico de ginástica artística e representou Portugal nos Jogos Olímpicos em 1952. Pouco antes dos Jogos iniciara-se na prática de cavalo com arções, argolas paradas e saltos de cavalo no Lisboa Ginásio Clube. Nesse mesmo ano concluiu o curso de Económicas e Financeiras no que viria mais tarde a ser o ISEG.

A sua forma de estar numa actividade desportiva de elevada disciplina e exigência chamaria a atenção de quem o observava e lhe apresentou um convite para ser Director do Pessoal da CUF-Barreiro. Seria o início de uma vida profissional extraordinária. Foi Presidente fundador da Associação Portuguesa de Management, Presidente da European Association of Personnel Management Associations e criador da World Federation of Personnel Management Associations. Recebeu o prémio Petit Pas, o equivalente ao óscar profissional.

Em Portugal, foi Professor na Universidade Católica Portuguesa da Licenciatura em Ciências Empresariais, Professor da Unversidade Nova de Lisboa, da Universidade do Porto no Mestrado de Gestão de Empresas. Na Escócia, foi Professor na Glasgow University. Foi Professor coordenador do LNTI e no Instituto Nacional de Administração (INA).

A 21 de Dezembro será lançada a obra biográfica que lhe foi dedicada pela Fundação Amélia de Mello que iniciará a colecção ‘Histórias de Liderança’. Que a sua vida nos possa servir sempre de exemplo.

Erasmus Incoming