Dia Mundial do Doente de Parkinson 11 de Abril

Press Release i-Prognosis

Big data abre caminhos na forma como a doença de Parkinson é detetada

Este ano, mais uma vez, o projeto i-PROGNOSIS participa no Dia Internacional dedicado à doença de Parkinson (DP) para aumentar a consciência acerca das possibilidades trazidas pelas novas tecnologias para detetar esta doença o mais precocemente possível. A aplicação móvel iPrognosis, acessível desde o ano passado na Alemanha, Grécia, Portugal e Reino Unido (e disponível gratuitamente na Google Play Store) permite a recolha de dados em larga escala, potenciando o desenvolvimento de algoritmos (machine learning) capazes de detetar mudanças comportamentais relacionadas com a DP. Um ano depois, os parceiros do projeto i-PROGNOSIS estão a iniciar a avaliação médica da primeira versão destes algoritmos para assim fornecer evidências preliminares quanto à intervenção a desenvolver.

O projeto i-PROGNOSIS baseia-se em investigação inovadora na área da inteligência artificial, aproveitando as mais recentes metodologias disponíveis no campo da análise de dados. Já 749 europeus fizeram download da aplicação móvel iPrognosis, dando o seu consentimento para participar no estudo. Este estudo, aprovado por Comités de Ética em todos os países onde a aplicação móvel está disponível, visa recolher dados de interação entre o utilizador e o dispositivo móvel, extraindo características comportamentais que possam ser indicativas da DP para identificar sintomas relacionados com a doença.

Quer pessoas saudáveis com mais de 40 anos de idade, ​​quer pessoas a quem já foi diagnosticada a Doença de Parkinson, podem participar neste estudo. Dependendo das permissões dadas pelo utilizador, diferentes tipos de dados podem ser analisados, nomeadamente:

  • dados de voz quando o utilizador está a falar ao telefone,
  • dados do tempo e pressão das teclas quando os utilizadores usam o teclado iPrognosis,
  • dados de localização ao longo do dia,
  • dados da expressão facial de fotos da câmara frontal,
  • dados do conteúdo afetivo da mensagem de texto armazenada.

Até agora, 433.625 registos - equivalente a cerca de 90 GB de dados - foram recolhidos de forma não invasiva

Todos os dados e informações obtidos através da aplicação móvel iPrognosis são armazenados em segurança na Microsoft Azure Cloud. A aplicação móvel iPrognosis está em conformidade com o mais recente regulamento da União Europeia em termos de proteção de dados. Depois de concedido o consentimento informado, qualquer participante pode restringir o seu consentimento a qualquer momento através do menu de configurações da aplicação e os dados poderão deixar de ser recolhidos e até os dados anteriormente armazenados podem ser removidos.

A primeira avaliação da aplicação móvel iPrognosis produziu resultados promissores decorrentes da avaliação técnica e da aceitação por parte dos utilizadores. O objetivo da aplicação foi considerado útil pelos participantes do estudo, revelando que esta aplicação é fácil de configurar e usar. No entanto, as respostas dos participantes em alguns países destacaram a importância de continuar a informar os utilizadores sobre a proteção da privacidade dos dados e aumentar a informação junto dos profissionais de saúde de modo a garantir a sua inclusão nos novos processos de deteção precoce da DP.

O próximo ano será dedicado à análise de dados já recolhidos através da aplicação e à intensificação dessa recolha com o lançamento da aplicação em novos países e com o desenvolvimento de uma versão para o sistema operativo iOS. Iniciar-se-á também a avaliação clínica dos utilizadores da aplicação iPrognosis para detetar sintomas precoces da doença e estender a recolha de dados, incluindo novas fontes de dados.

  • Em relação à avaliação clínica, os especialistas médicos do Consórcio i-PROGNOSIS avaliarão clinicamente um conjunto de utilizadores da app iPrognosis - quer indivíduos com DP quer indivíduos saudáveis ​​- com base nas práticas médicas de referência para fornecer informações aos algoritmos (machine learning), no sentido de avaliar seu desempenho em relação à deteção da DP.
  • Em relação à extensão da recolha de dados, serão disponibilizados smartwatches a um subconjunto de utilizadores - indivíduos com DP e indivíduos saudáveis ​​- para fornecer dados adicionais sobre tremor nas mãos, sono, movimentos ligados à ingestão de alimentos e a sua relação com a DP.

Mais informações www.i-prognosis.eu

Erasmus Incoming